6 de fev de 2012

Ação Metrópole


A negociação oficial entre o Governo do Pará, Governo Federal e a Jica, para o acordo de empréstimo de R$ 320 milhões que serão investidos na segunda etapa do 'Ação Metrópole' começou hoje. Os recursos vão garantir as obras no corredor da BR-316, Avenida Almirante Barroso e centro, além da construção de um terminal de integração e estação de transbordo. Aprovado o acordo a proposta de empréstimo segue para aprovação no Senado, quando será transformada em contrato. A previsão é de ser votada até o final de março.

Um comentário:

Osvaldo alencar disse...

Caro Bacana,
Peço que publiques o texto abaixo. Foi copiado do Diário do Nordeste de hoje (08/01/2012) sobre a criação de um corredor para tráfego rápido na Capital Cearense. Aqui isso é coisa para esquecer que somos dotados de alguma inteligância. E as autoridades permanecem totalmente silentes. Será interesse nas copisas paraenses?

"Os fortalezenses terão a oportunidade de escolher em qual via da cidade será implantado o primeiro corredor prioritário para coletivos. De acordo com o presidente da Empresa de Transporte Urbano de Fortaleza (Etufor), Ademar Gondim, a consulta popular deve acontecer no fim deste mês ou no início de março.

A população terá cinco opções de faixas exclusivas, previamente selecionadas pela Etufor: Antônio Bezerra-Centro; Antônio Bezerra-Siqueira-Messejana; Lagoa-Centro e Leste-Oeste-Centro. A previsão é de que haja corredores prioritários para ônibus e vans em cada uma delas.

No entanto, conforme Ademar Gondim, todas as vias serão analisadas pela prefeita Luizianne Lins, que pode excluir faixas preestabelecidas e incluir novos corredores. A população também poderá sugerir outros vias.
"