21 de jun de 2012

Até o mês de agosto deve terminar o julgamento do mensalão


O julgamento do mensalão deve terminar em agosto. É o que afirmou o presidente do Supremo Tribunal Federal, ministro Carlos Ayres Britto, durante visita ao estande do Conselho Nacional de Justiça na Rio+20.

Britto ressalta ainda que o julgamento dos envolvidos no caso será técnico, apesar das pressões políticas. "Todos nós temos essa compreensão, que corresponde a um dever de ofício, de que por mais intensa e densa que seja a ambiência política de um processo, o julgamento só pode ser técnico, em cima das provas dos autos, objetivamente", afirmou.

Um comentário:

Anônimo disse...

Para os Índios serve?
Como funcionário de carreira da saúde indígena,venho pedir que seja levado a conhecimento do público os absurdos que estão ocorrendo na gestão da Sra. Daniele Soares Cavalcante. A nossa pasta já tão mal tratada pelo descaso do governo com a saúde indígena agora é alvo de acordos e favores políticos.
o PT nomeou como nova chefe da DSEI Guamá-Tocantins a pedido da ex-governadora Ana Júlia a Sra. Daniele Soares Cavalcante, EXONERADA pela própria,da secretaria adjunta de saúde no governo dela.
Ou seja, para cuidar da saúde no governo dela a nobre gestora não servia, mas para os índios serve?
E o caos e a bagunça estão tomando conta definitivamente das CASAIS, a exemplo do que aconteceu em Marabá, Santarém e ainda veremos em muitos lugares. Se a situação já era precária, está cada dia pior.
Estamos vendo o comportamento autoritário e os desmandos que marcaram a passagem dela pela SESPA.
Antes mesmo de ser nomeada ela chegou como policia em varios lugares demitindo sumariamente funcionários e dando ordens confusas. Tem chefe lá que despacha e manda também sem estar nomeado, e uns contratos muito estranhos de temporários.Inclusive a namoradinha de um dos chefes foi "contratada" como temporária e por ser da alcova acha que também é chefe. FUNCIONÁRIOS INDIGNADOS...