29 de nov de 2011

Sentenciado a quatro anos


Conrad Murray, médico de Michael Jackson, recebeu sua sentença. A corte determinou quatro anos de prisão. Ele cumprirá a pena na L.A. County Jail, sem direito a condicional. O cardiologista havia sido declarado culpado pelo júri no começo deste mês por homicídio culposo do astro pop, depois de julgamento de seis semanas que apresentou detalhado relato das horas finais do cantor. A pena máxima era de quatro anos. Ele pode apelar da decisão.

Nenhum comentário: