21 de nov de 2011

Dados positivos


Dados do Ministério da Saúde revelam que a taxa de transmissão vertical do HIV, que representa a porcentagem de infecção da mãe para o bebê, vem reduzindo gradativamente. Correspondendo assim, a meta estipulada pelo MS para o ano de 2015 em todo o Brasil. Com o acompanhamento correto do pré-natal, a probabilidade do bebê nascer negativo para o vírus é de 90%.
Segundo Mara Rocha, coordenadora do CTA Belém, o número de gestantes positivas atendidas no Centro não chega nem a 2% desse total. 'O CTA atende por mês de 1.200 a 1.400 pessoas e verificamos que o número de gestantes e de crianças positivas é muito pequeno', afirma. Quando a pessoa é detectada como positiva para o vírus HIV ela é imediatamente encaminhada para a Casa Dia para realizar o tratamento e acompanhamento adequado.

Nenhum comentário: