18 de nov de 2011

E ela chorou


A presitende Dilma, ao lançar o Pacote de ações para portadores de deficiência, chorou durante o seu discurso. O Plano Nacional dos Direitos da pessoa com Deficiência prevê uma série de ações, como 5% do Pronatec reservado a esse público, 2,6 ônibus adaptados, adequação arquitetônica de 42 mil escolas e retirada de impostos sobre produtos de assistência. O pacote custará aproximadamente R$ 7,6 bilhões até 2014.
Dilma ao se dirigir as filhas do deputado Romário e do senador Lindbregh que possuem síndrome de Down ficou com a voz embargada e teve que enxugar as lágrimas e disse que é nesses momentos que vale a pena ser presidente.

Nenhum comentário: