16 de nov de 2011

Pesquisa

As mulheres estão tendo menos filhos e cada vez engravidando mais tarde. É o que aponta a pesquisa do IBGE realizada no período de 2010. A média de filhos por mulher era 2,38 e, em 2010, caiu para 1,86.


A queda ocorreu em todas as regiões do Brasil. A menor taxa em 2010 foi verificada no Sudeste (1,66) e a maior taxa foi registrada no norte (2,42). A mais alta taxa entre os Estados foi registrado no Acre (2,77 filhos por mulher) e a menor foi no Rio (1,62).


Além de terem menos filhos, caiu a proporção de nascimentos entre as mulheres mais jovens. Em 2000, 19% dos nascimentos ocorriam na faixa etária de 15 a 19 anos e 29% na faixa etária de 20 a 24 anos. Esses percentuais caíram respectivamente para 18% e 27%.



Outra mudança detectada pelo censo é o aumento das uniões consensuais, em que os casais não formalizam o casamento. Este percentual subiu de 29% para 36%. Outro dado divulgado hoje pelo instituto mostra que 7% da população tem alguma deficiência severa, seja ela visual, auditiva, motora ou mental.



O Censo ainda aponta que a proporção de crianças e jovens fora da escola caiu na década passada. De 7 a 14 anos, a queda foi de 5,5% para 3,1%. Na faixa etária de 15 a 17 anos foi de 22,3% para 16,7%.


Fonte: site da folha

Nenhum comentário: