31 de jul de 2012

Viúva de Yasser Arafat pede investigação sobre a morte de seu marido


Após um relatório sobre a morte do palestino Yasser Arafat, que sugere que ele teria sido envenenado por uma substancia radioativa, sua viúva pediu que uma corte francesa abra uma investigação sobre sua morte. "Meu marido morreu de um modo estranho. Há sinais que levam a acreditar que ele foi envenenado", disse Suha Arafat ao diário francês Le Figaro.
Um mês depois Arafat morreu. Os médicos que o estavam tratando disseram não ter como estabelecer uma causa precisa da morte, por isso rapidamente circularam alegações de que tivesse sido assassinado.

Nenhum comentário: