4 de jan de 2012

Médico de Jackson terá que devolver seu registro profissional


De acordo com o representante do Conselho Médico da Califórnia, Dan Wood, o médico de Michael Jackson, condenado por homicídio culposo na morte do cantor terá que devolver seu registro profissional ao conselho.
O médico foi condenado em novembro pela morte de Jackson, em um caso que investigou o uso do potente anestésico propofol por parte de Murray para ajudar o cantor a dormir. A combinação do proporfol com outros sedativos teria feito o cantor parasse de respirar.

Nenhum comentário: