11 de jul de 2012

Para presidente do PT julgamento do mensalão não teve ter condenação

O presidente do PT, Rui Falcão, disse nesta manhã que se o julgamento do mensalão se basear nos "autos" não haverá condenação. Para Rui Falcão o julgamento em agosto, época de campanha nas eleições municipais, trata-se de uma “politização da Justiça”. 


"A minha expectativa é que os ministros do Supremo julguem segundo os autos. E, julgando segundo os autos, não há base para condenação", disse Rui Falcão.  

Nenhum comentário: