21 de dez de 2011

Capital paraense tem a maior proporção de habitações irregulares

Dados divulgados pelo Censo 2010 revelam que Belém é a cidade que possui a maior proporção de habitantes vivendo em áreas ocupadas irregularmente e com serviços ou urbanização precária.
Em Belém, quase 90% dos domicílios irregulares e precários está localizada em áreas que reúnem pelo menos mil domicílios nessas condições.
De acordo com o IBGE, muitos estão localizados em áreas pertencentes à Marinha, que foram ocupadas irregularmente. Em termos de saneamento, o problema mais comum é a falta de coleta de esgoto.

Nenhum comentário: