30 de mar de 2012

Brasileiros fazem a alegria dos corretores de imóveis de Miami


( do Blog do Parsifal)


Uma pesquisa do Miami Realty Association (Sindicato dos Corretores de Miami) revelou que os brasileiros foram os estrangeiros que mais compraram imóveis acima de US$ 1 milhão em Miami, EUA, em 2011. Em segundo lugar vieram os venezuelanos.

Os venezuelanos devem estar fugindo das loucuras neo-bolivarianas de Chávez. Os brasileiros devem estar fugindo da loucura dos preços de imóveis no Brasil, que precisam entrar em uma camisa de força antes que estoure a bolha.

> Preço do metro quadrado em Belém é mais caro que em Miami

Em Belém, por exemplo, um apartamento novo de 150 m² passa fácil de R$ 1 milhão (principalmente depois que inventaram outro nome para as sacadas: espaço gourmet), como se as ruas da cidade se houvessem ao alcance da brisa da Riviera francesa e o brasileiro tivesse renda per capita norueguesa.

Lançam-se empreendimentos em áreas nobres de Miami, EUA, como Williams Island, de 208 m² por US$ 1 milhão, que podem ser pagos em 20 anos a juros anuais de 6%.

Um dos luxos de Williams Island, onde você pode andar descalço nas ruas e a palma do pé não suja, é que os jardins têm espargidores de aromas florais.

> Há erro lá ou aqui

A conta revela que o metro quadrado em Belém está mais caro que o mesmo em uma das mais nobres áreas residências de Miami.

Tem alguma coisa muito errada com os preços dos imóveis nos EUA, ou no Brasil.

Um comentário:

Anônimo disse...

Sabe quem tem um A.P. por lá? O prefeito de Muaná, do PMDB.